Mais de 150 brasileiros procuram ilha que dava dinheiro a novos moradores

A prefeitura local decidiu suspender as inscrições por causa da grande procura

mishima muraA vila de Mishima (Kagoshima) decidiu suspender o oferecimento de dinheiro e bezerro a novos moradores, depois que um grande número de pessoas, principalmente brasileiros, entrou em contato com a prefeitura local para fazer a inscrição.

A vila, formada por três ilhas com 400 habitantes ao sul de Kagoshima, estava oferecendo ¥500 mil ou um bezerro, além de uma ajuda de até ¥100 mil por mês, durante três anos, para quem se mudasse ao local, como forma de incentivar os setores econômico e agrícola.

Segundo a TV Asahi, a prefeitura de Mishima recebeu 189 e-mails e dezenas de telefonemas entre 28 de abril e 14 de maio, sendo que 90 por cento dos contatos vieram de brasileiros e outros estrangeiros, como croatas e sérvios, que moram no Japão e no exterior.

Normalmente, a prefeitura recebia 10 consultas por mês e apenas uma inscrição de alguém interessado em se mudar para a ilha.

Segundo a administração de Mishima, as inscrições foram suspensas porque as ilhas não dispõem de moradias suficientes para atender todas as pessoas interessadas.
Foto: Reprodução/ANN
Ilha que forma a vila de Mishima, em Kagoshima