Hamamatsu irá reconhecer a união homoafetiva

Redação


A partir do dia 1º de abril, a cidade de Hamamatsu passará a reconhecer a união estável entre os homoafetivos.  A cidade será a primeira da província de Shizuoka a reconhecer a união entre pessoas do mesmo sexo. 

Para oficializar a união existem alguns critérios, ambos devem ter idade superior a 20 anos e ser solteiros. O reconhecimento permitirá a um deles o direito de se candidatar à moradia pública da cidade e também o direito de assinar o consentimento no caso de algum procedimento médico que necessite. 

No Japão,  34 prefeituras que permitem a união estável dos casais homoafetivos.  Hamamatsu  espera que com a emissão do certificado as empresas de telefonia possam oferecer o desconto para família, as de seguro da mesma forma e que o casal possa requerer uma linha de crédito para aquisição da casa própria.