ONSENS: As famosas fontes de águas termais do Japão

Os onsens naturais (fonte de águas termais) é uma outra dica de lazer para este inverno. Apesar de funcionar praticamente o ano inteiro, a época de maior movimento é durante o inverno. No Japão existem aproximadamente 19 mil onsens, casas de banho quente, naturais ou artificiais. Os onsens surgiram nos locais de água termal vulcânica legítima.
Existem basicamente dois tipos de onsen: os que são ao ar livre e os que ficam em instalações internas de um Ryokan (Pousada Tradicional Japonesa), ideais para quem prefere relaxar com mais privacidade.

Com o tempo a coisa foi se transformando, surgiram onsens privados, visitantes passaram a pagar pelo uso do banho e apareceram piscinas artificiais aquecidas.
Além dos inúmeros benefícios que traz para a saúde em geral, o onsen proporciona ao corpo e à mente um relaxamento sem igual.

Alguns estrangeiros fazem questão de provar essa experiência.  Porém há também alguns mais tímidos que sentem-se constrangidos em compartilhar um ofurô (banheira) coletivo, com pessoas desconhecidas. Vale ressaltar que a maioria dos onsens não aceitam visitantes com tatuagens. O motivo dado é o medo da entrada de membros da máfia japonesa, a yakusa.

Os japoneses são apaixonados por banhos em onsen 温泉 e graças à sua extensa área vulcânica, milhares deles podem ser encontrados em todo o país. Antigamente o onsen era considerado um lugar sagrado, onde as pessoas iam em busca da cura para suas enfermidades. Ainda hoje essa filosofia continua, mesmo diante do apelo turístico. Independente de sua classe social, curtir o onsen é uma tradição que faz parte do cotidiano das famílias japonesas.

Para quem está no Japão segue algumas dicas de excelentes Onsen

Kusatsu Onsen
Devido a sua composição mineral as águas de Kusatsu foi considerada durante centenas de anos como uma das melhores do Japão. Acredita-se que suas propriedades ajudam a curar uma série de doenças. A área possui um abundante Yubatake (campo de água quente) que abastece todos os onsens e pousadas da região. O interessante é que alguns onsens dessa região são considerados de domínio público e podem ser usados gratuitamente pelos visitantes.

Local: Kusatsumachi, Agatsuma-gun, Gunma
Acesso: Estação de Kusatsu Onsen
Site: http://www.kusatsuonsen-international.jp/en/attraction/#yubatake

Manza Onsen
Situado no alto das encostas do Monte Shirane, noroeste da Província de Gunma, o Manza Onsen, possui uma vista linda com uma altitude de 1800 metros acima do nível do mar, as águas do Manza são consideradas a mais sulfúricas do Japão. No inverno, é um ótimo destino para desfrutar de um banho quente ao ar livre rodeado pela neve. Muitos visitantes ficam deslumbrados com a vista e com o contato com a natureza. O local é conhecido por seu ambiente tranquilo, perfeito para quem está em busca de sossego. As águas Manza oferece benefícios para a saúde, no metabolismo e na circulação sanguínea.
Local: Hoshimata, Tsumagoi-mura, Agatsuma-gun, Gunma
Telefone: 0279-97-3131
Site: http://www.manzaonsen.gr.jp/index.php

Hakone
A cerca de uma hora e meia de Tóquio, encontramos o onsen Hakone na província de kanagawa. Bem localizado, rodeado por hotéis e ryokans, O Hakone onsen tem uma visita glamourosa que abrange, o Monte Fuji, o lago Ashinoko, os rios Hayakawa e Sukumogawa, fazendo parte de uma magnifico cenário.
Local: Hakonemachi, Ashigarashimo-gun, Kanagawa
Site: http://www.hakonenavi.jp/english/

Nasu Onsen
O Nasu Onsen fica situado nas encostas do Monte Nasudake, uma região serrana também conhecida como Nasu Kōgen. O centro do resort é a cidade termal de Yumoto, a meio caminho da montanha. Os banhos termais e terapêuticos de Nasu tiveram início no Período Nara (710-1185) e desde então ficaram conhecidas em todo Japão por suas propriedades restauradoras.
Local: Nasu-machi, Nasu-gun, Tochigi
Telefone: 0287-76-2619 (Nasu Tourism Association)
Site: http://www.nasukogen.org/charm/

Yumoto Onsen
Yumoto é uma pequena cidade de águas termais localizada perto do Lago Yunoko, no Parque Nacional de Nikko. Várias de suas fontes termais estão localizadas nos pés do Monte Nantai ou às margens do Lago Chuzenji, o que faz com que toda a cidade seja acometida por um suave cheiro de enxofre.
Ao norte da cidade fica Onsenji, um templo budista com banho de onsen aberto ao público. Ao sul do Lago Yunoko, encontramos a cachoeira Yudaki (cachoeira de água quente), com 70 metros de altura. Apesar do seu nome, as águas da cachoeira não são quentes.
Local: Yumoto Onsen, Nikko City
Telefone: 0288-62-2139
Site: http://nikko-travel.jp/english/

O vale dos monstros de neves
Localizado na fronteira da província de Yamagata ( Miyagi )  o parque fica no meio da Cordilheira Zao. O vento é o grande responsável por esculpir esses monstros de neve. Uma forte corrente de vento atravessa o parque cortanto a  neve acumulada e dando formas que confundem a visão do visitante.  Conforme a luz do dia, o lago Okama, proporciona um espetáculo de cores de até 5 tonalidades, ideal para quem gosta de fotografar. Acredita-se que essa região foi um grande reduto de samurais, que se escondiam durante o inverno em cavernas secretas. Zao em Yamagata  também é um ótimo lugar para quem gosta de esquiar ou descer montanhas de snowboard.
Site: http://www.snowjapan.com/japan-ski-resorts/zao-onsen